Movimentos participam de greve nesta sexta-feira em Manaus

Sindicatos, centrais sindicais e movimentos sociais realizam manifestação, nesta sexta-feira (14), em prol da Greve Geral que é contra as medidas propostas pelo Governo Federal a respeito da Reforma da Previdência, que tramita no Congresso Nacional sob orientação do presidente da República, Jair Bolsonaro.   Entre as reivindicações dos grupos, está a posição contrária aos cortes de investimentos à educação nas universidades e institutos públicos, proposto pelo Ministério da Educação.

A reunião entre os movimentos ocorreu, na manhã desta quinta-feira (13), no Auditório da Seção Sindical dos Docentes da Ufam (ADUA-SSind), no campus  da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), no bairro Coroado, Zona Leste.  Estão confirmadas as presenças das categorias dos servidores do ensino público estadual e municipal no movimento.

Greve geral

A concentração do ato acontece nesta sexta-feira (14), às 15h, na Praça da Saudade, localizada na rua Simão Bolívar, bairro Centro, Zona Sul de Manaus. O percurso da manifestação não foi divulgado.

Dentre os sindicatos, associações estudantis e movimentos populares estarão presentes, como a União Geral dos Trabalhadores (UGT), Nova Central, Força Sindical, Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Central Sindical Popular Conlutas (CSP-Conlutas), Central Única dos Trabalhadores (CUT).

 

Reportagem: Redação Amazônia sem Fronteiras

- PUBLICIDADE -