Operação ‘Conde Otávio’ prende empresário parintinense em Manaus

Detido nesta quinta-feira (18), em um condomínio localizado no bairro do Tarumã, na Zona Oeste de Manaus, o empresário Otávio Almeida Costa, de 43 anos, por suspeita de aplicar golpes usando documentos falsos de licitações. Empreendedores eram as principais vítimas de Otávio Costa.

Em apenas um dos crimes, o suspeito causou um prejuízo em torno de R$1,5 milhão. Ele foi preso em cumprimento a um mandato preventivo, durante a operação ‘Conde Otávio’.

Segundo informações do delegado Demétrius Queiroz, o empresário estava sendo investigado por aplicar golpes na capital amazonense, apresentando às vítimas vários documentos de licitações, alegando que precisaria de dinheiro dessas pessoas para entregar serviços de obras para, então receber valores milionários, em que as vítimas teriam participação. Em uma ocasião, Otávio Costa citou o desejo de ser candidato a prefeito do município de Parintins (AM).

“De La Pino”

Em 1992, Otávio se envolveu em uma confusão com o cantor Beto Barbosa em Parintins. Horas antes do espetáculo, uma confusão se formou pois o artista ameaçava não se apresentar, caso não recebesse o acertado.

Por causa disso, ele ganhou o apelido de “Otávio De La Pino”. Depois, entrou para o trabalho empresarial.

Reportagem: Redação Amazônia sem Fronteiras

 

 

- PUBLICIDADE -