Turismo em Boa Vista: Se surpreenda com Roraima

A capital de Roraima é uma cidade multicultural, incluindo uma grande quantidade de moradores que vieram de outros Estados do Brasil, por isso, Turismo em Boa Vista é sempre uma nova descoberta da região, além de ser acesso para.

As margens do rio Branco, é a capital mais ao norte e a única totalmente acima da linha do Equador.  A cidade, fundada em 9 de julho de 1890 e é o município mais populoso de Roraima, com 308.545 pessoas, no censo de 2010.

Uma capital moderna, sendo estruturada e planejada. Feita radialmente pelo engenheiro civil Darcy Aleixo Derenusson, a cidade é baseada em Paris, em sua estrutura de Leque.

Turismo em Boa Vista

Boa vista é uma capital linda pois é cheia de natureza. Está na margem do Rio Branco, é e próxima da bacia amazônica. O Planejamento da cidade aponta toda ela para o centro cívico, com avenidas e ruas largas.

O planejamento também ajuda muito para a organização e as belezas naturais da cidade.

Existem vários destinos na cidade também, e todos eles valem uma visita!

Monumento aos Pioneiros

O primeiro é o grande painel feito por Luiz Canará. Feito em concreto, a obra é uma representação de todos os elementos que constroem Roraima, suas diversas culturas, tradições, costumes e pessoas.

Praça Das Águas

Outro local é a Praça das Águas. Como as melhores praças, elas tem múltiplas utilidades. De atividades físicas como Corridas, Patins ou Skate, até para esportes como volei, peteca e Futebol. Feiras de artesanato também ocorrem na região.

Aproveite pois os bares e restaurantes todos ficam próximos ali da região. A própria praça à noite é muito bonita com suas fontes luminosas. O portal do milênio, um monumento construído em 1999 é outra opção.

Orla Taumanan

Um dos principais pontos turísticos da cidade é uma enorme estrutura feita à margem do Rio Branco. Você verá alguns roraimenses passando parte da tarde ou nos bares com música ao vivo.

Monte Roraima

A principal atração da região, já tendo tema até de filmes da Disney, o Monte Roraima fica na tríplice fronteira de Brasil, Venezuela e Guiana. Precisa de 2 horas e meia, saindo de Boa Vista.

Reportagem: Redação Amazônia sem Fronteiras

- PUBLICIDADE -