Morre deputado argentino atingido por tiros em Buenos Aires

Ataque também matou o assessor do parlamentar.

O deputado argentino Héctor Olivares, vítima de um ataque a tiros em Buenos Aires na semana passada, morreu neste domingo (12), informou o presidente interino do Senado, Federico Pinedo.

O parlamentar estava internado em estado grave desde quinta-feira (9), quando foi atingido por tiros. Ele passou por sua cirurgias, mas não resistiu.

O ataque ocorreu perto do Congresso e também matou o assessr do deputado, Miguel Yadón, de 58 anos, o qual acreditam ser o alvo do crime.

Em um primeiro momento, as autoridades suspeitaram de crime político, mas, agora, trabalham com indícios de motivações pessoais para o crime. A principal suspeita é que Yadón teria uma relação amorosa com uma das filhas dos atiradores. Seis pessoas foram presas por suposta ligação com o crime.

Amazônia sem Fronteiras/ Fonte: TERRA

 

- PUBLICIDADE -