Novembro: mês mundial de combate ao câncer de próstata

Hoje a Campanha Novembro Azul apresenta relevância mundial, tamanha a sua importância com o passar dos anos. Já foi o tempo em que falar sobre câncer de próstata era tabu. Os homens entenderam que os cuidados com a saúde estão acima do preconceito e não se importam em afirmar que já se submeteram ao exame de toque. Por meio dele e do exame de sangue, é possível realizar o diagnóstico precoce da doença para aumentar as chances de cura.

Quando fazer o exame de sangue e de toque?

Homens com mais de 50 anos são mais propensos ao câncer de próstata. Daí a extrema necessidade de realizar o exame periódico (anual). Os mais jovens, com histórico da doença na família, devem passar pelo procedimento clínico antes dessa faixa etária – em geral, a partir dos 45 anos. É importante ressaltar que esse tipo de câncer já matou milhares de homens em nível mundial. Definitivamente, é preciso que todos se conscientizem a respeito.

De acordo com as estatísticas, um em cada seis homens é acometido pelo câncer de próstata, sendo este o sexto tipo de câncer mais comum no mundo. A cada 40 minutos, morre um homem devido à doença, sendo este o segundo tipo de câncer mais mortal entre os homens.

Quais os principais sintomas da doença?

Embora a doença seja silenciosa, quando em estágio avançado, os sintomas são bem característicos. Dentre os principais, urgência e dificuldade para urinar, maior frequência urinária, redução ou retenção no jato de urina, insuficiência e problemas nos rins, dores agudas nos ossos e no corpo. Nesse caso, o tratamento é mais complexo e as chances de cura são menores. Por tais motivos, a prevenção pode salvar uma vida!

Como se prevenir contra o câncer de próstata?

Além dos exames clínicos, os homens devem se prevenir de outras formas, como não fumar, reduzir a ingestão de álcool, manter o peso corpóreo ideal, praticar atividades físicas regularmente (pelo menos, 5 vezes por semana, 30 minutos por dia), evitar a ingestão de gordura de origem animal, consumir uma boa variedade de grãos, cereais, frutas, legumes e verduras (adotar uma alimentação saudável).

Quando surgiu a primeira Campanha Novembro Azul?

Internacionalmente conhecida como Movember – Moustache (bigode) + November (novembro), a campanha de prevenção contra o câncer de próstata teve início, informalmente, em um pub australiano. A ideia partiu de alguns homens, que decidiram deixar o bigode (símbolo da campanha), em prol da conscientização da saúde masculina, durante novembro, mês de comemoração do Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata.

Todos os anos, em novembro, homens em todo mundo deixam não somente o bigode como também a barba crescer. Alguns países do exterior continuam com o nome original da campanha Movember ou No Shave November (novembro sem se barbear). Os brasileiros escolheram o nome Novembro Azul devido à cor adotada pelos idealizadores do movimento. Graças ao Instituto Lado a Lado pela Vida, em parceria com a Sociedade Brasileira de Urologia, desde 2014, no Brasil, novembro tornou-se o mês oficial de combate ao câncer de próstata.

 

Reportagem: Redação Amazônia sem Fronteiras

- PUBLICIDADE -