Polícia Civil prende jovem e apreende adolescente procurados por latrocínio em Itacoatiara

A prisão em flagrante de Marcio Rabelo Santana, 22, e a apreensão de um adolescente de 16 anos, procurados pela autoria de latrocínio que teve como vítima Alzimar de Souza Feijó, que tinha 50 anos.

A Polícia Civil do Amazonas, por meio das equipes de investigação da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) e Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Itacoatiara, sob o comando dos respectivos delegados titulares das unidades policiais, Lázaro Mendes e Paulo Barros, efetuou na manhã de quinta-feira (4/4) por volta das 11h, naquele município, distante 176 quilômetros em linha reta da capital, a prisão em flagrante de Marcio Rabelo Santana, 22, e a apreensão de um adolescente de 16 anos, procurados pela autoria de latrocínio que teve como vítima Alzimar de Souza Feijó, que tinha 50 anos.

De acordo com Lázaro Mendes, a equipe recebeu a informação de que um homem estaria morto dentro da própria casa, no bairro Nogueira Junior, em Itacoatiara. Ao chegarem ao lugar indicado, os policiais civis encontraram o corpo do homem sobre a cama, apresentando sinais de agressão física. Ao longo das investigações em torno do caso, os policiais civis foram informados que a vítima, na noite anterior ao crime, ocorrido na última quarta-feira (3/4), estava em um bar assistindo a uma partida de futebol e consumindo bebidas alcoólicas com algumas pessoas, incluindo Marcio e o adolescente.

“Populares nos informaram as características dos elementos que estavam com a vítima antes do crime. Começamos as buscas e conseguimos localizar Marcio e o adolescente, escondidos em uma casa situada no bairro Nogueira Junior. Os infratores confessaram a autoria do latrocínio. Eles argumentaram que tiveram a ideia de furtar o aparelho celular da vítima após perceberem que Alzimar estava retornando para a casa dele muito alcoolizado e morava sozinho”, explicou Paulo Barros.

Conforme Barros, ao entrar no imóvel, a dupla foi surpreendida por Alzimar, que ainda chegou a travar luta corporal com os infratores ao tentar impedir o furto. Em seguida, Marcio desferiu um golpe de estrangulamento conhecido como “mata-leão” em Alzimar, levando a vítima a óbito.

“Logo após matarem a vítima, pegaram o celular do homem e venderam para consumir mais bebidas alcoólicas e entorpecentes. O celular foi recuperado. Marcio foi autuado em flagrante por latrocínio. Já o adolescente irá responder por ato infracional análogo ao crime de latrocínio. Marcio será encaminhado à Unidade Prisional de Itacoatiara, enquanto o adolescente ficará à disposição do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM)”, concluiu o delegado Lázaro Mendes.

Amazônia sem Fronteiras / Fonte: PC-AM

- PUBLICIDADE -