Rachadura após terremoto na Califórnia fica visível do espaço e vira atração turística

O terremoto de 7,1 graus na escala Richter, registrado na noite da última sexta-feira (5), foi o mais forte a atingir a Califórnia em 20 anos. Foi o segundo tremor a abalar o estado americano mais populoso e o terceiro maior em dimensão territorial.

Os efeitos do terremoto estão visíveis até do espaço. Imagens feitas pela Planet Labs, que fornece imagens à CNN mostram uma imensa rachadura no solo californiano.

Atração turística

Várias estradas, também nas imediações do epicentro, apresentaram rachaduras. Algumas delas estão total ou parcialmente bloqueadas em pontos mais danificados. Algumas áreas mais afetadas viraram até atração turística, noticiou o “LA Times”.

Christian Flores, de 27 anos, viajou quase 400 quilômetros de San Diego ao Monjave só para ver os efeitos dos dois últimos terremotos. Chegando ao local das rachaduras na rodovia 178, o turista ficou maravilhado e rapidamente postou um vídeo no seu canal no YouTube.

“Não é sempre que temos um terremoto dessa proporção”, disse Christian, que recolheu pequenas pedras liberadas pelas rachaduras para levar como “lembrancinhas”.

Reportagem: Redação Amazônia sem Fronteiras

- PUBLICIDADE -